Vendas de materiais de construção caem em fevereiro

As vendas de materiais de construção no varejo ficaram estáveis em fevereiro em comparação com o mesmo mês do ano passado. Já frente a janeiro, houve queda de 9%.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (02/03), pela Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco). O levantamento considera a performance de 530 lojistas de todo o País.

Todas as regiões apresentaram variações negativas em fevereiro na comparação anual: Nordeste (-16%), Norte (-8%), Centro-Oeste (-6%), Sudeste (-9%) e Sul (-15%).

Com o fim do período chuvoso e a implantação gradual do Cartão Reforma – programa do governo federal que subsidiará a compra de materiais de construção por famílias de baixa renda -, a tendência é de uma melhora das vendas nos próximos meses, segundo o presidente da Anamaco, Cláudio Conz.

“O governo, aos poucos, está lançando o programa em cada Estado contemplado, dispondo um subsídio às famílias de baixa renda para compra de material de construção”, afirma Conz, em nota.

“Entretanto, a maioria das compras é prorrogada para o segundo semestre, principalmente porque as chuvas acabam deixando estragos e uma necessidade de manutenção”.

https://dcomercio.com.br/categoria/negocios/vendas-de-materiais-de-construcao-caem-em-fevereiro